As sessões do 2º ciclo dos Laboratórios Criativos, no âmbito do projeto Alto Tâmega – Turismo 4.0, estão a decorrer, mas ainda vai a tempo de se inscrever nas últimas três sessões presenciais que decorrem na próxima semana, nos dias 5, 6 e 7 de dezembro, em Ribeira de Pena, Valpaços e Vila Pouca de Aguiar, respetivamente.  Inscreva-se!

 

A primeira sessão deste 2º ciclo decorreu em Boticas, no dia 28 de novembro, com o tema “História e Arte”, seguindo-se Chaves, no dia 29 de novembro, com o tema “Termas e SPA”, encerrando a semana de trabalho, no dia 30 de novembro, sob o tema “Desporto e Aventura”, em Montalegre.

 

Contrariamente ao que aconteceu no ciclo anterior, as sessões desta segunda parte dos Laboratórios Criativos realizam-se no período da tarde, entre as 14h30 e as 17h00, de modo a que o público alvo que não pode marcar presença nas primeiras sessões, possa neste novo horário participar e contribuir nestes Laboratórios Criativos.

 

 

 

Na próxima semana realizam-se as últimas três sessões presenciais dos Laboratórios Criativos, que têm a seguinte calendarização:

  • 5 dezembro (14h30 – 17h00) – Ribeira de Pena: “Aldeias e Tradições” | Sala do Museu da Escola / Posto de Turismo (R. Manuel José de Carvalho, nº 14)
  • 6 dezembro (14h30 – 17h00) – Valpaços: “Gastronomia, Águas e Vinho” | Casa do Vinho (Av. Eng.º Luís de Castro Saraiva)
  • 7 dezembro (14h30 – 17h00) – Vila Pouca de Aguiar: “Desporto e Aventura” | Sala Polivalente/Auditório – Biblioteca Municipal (R. Dr. Carlos Alberto Sousa)

As sessões deste 2º ciclo têm por objetivo aprofundar as ideias e construção destes produtos compostos, trabalhando as propostas dos participantes nas suas diversas dimensões, num processo criativo que se pretende que seja “com” os agentes do território e “para” os agentes do território.

 

A participação é gratuita, mas sujeita a inscrição obrigatória.

Link inscrição:

https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSdXqVjErknqO_nPRyXPH6YAQGwSTbIyWZ1asZS01agXPu9Y6A/viewform

O objetivo central dos Laboratórios Criativos é idealizar, definir e construir de forma colaborativa uma nova oferta turística composta (multioperador) para o Alto Tâmega e Barroso, envolvendo os operadores e interlocutores turísticos da região.

 

O projeto Alto Tâmega – Turismo 4.0 (NORTE-02-0853-FEDER-037651) é uma iniciativa conjunta da Comunidade Intermunicipal do Alto Tâmega e Barroso (CIMAT), do Centro de Valorização e Transferência de Tecnologia da Água (AquaValor) e da Associação Empresarial do Corgo (AECorgo).

 

Cofinanciado por:

FEDER